Menu principal

14 abril, 2011

Toda forma de motivação é válida?

Por Flaviana Souza

   
    Quantas vezes escutamos que nós devemos nos agarrar em qualquer coisa que nos motive? Inúmeras, não é mesmo? Mas até onde será que isso é... saudável?

    Há quase dois anos a Revista Galileu abordou de forma sucinta a luta da deputada francesa da UMP (União por um Movimento Popular), Valérie Boyer, contra a venda de imagens enganosas. O tipo de imagem a que se refere são aquelas alteradas por meio de programas de manipulação de imagem. Você questiona: E o que isso tem a ver com motivação? Então eu pergunto: Onde são veiculadas essas imagens, quem as consome e com qual objetivo? Resposta: são revistas, jornais, sites e propagandas que todos nós consumimos inúmeras vezes ao longo do dia principalmente por mulheres, com a finalidade de buscar tendências, dietas milagrosas, inspiração e motivação para mudar e/ou melhorar alguma característica física/emocional.

    Ai está o ponto! É mais do que comum e involuntário, nós buscarmos motivação e inspiração em algo não-real. Boyer tenta fazer com que alguma medida seja tomada para que a saúde das pessoas não seja prejudicada pelo falso padrão que a mídia vende. Para isso, ela tem tentado implantar uma emenda à lei francesa para que as fotos digitalmente modificadas sejam acompanhadas de um aviso.
    O projeto da deputada tem dois objetivos principais: primeiro, prevenir distúrbios de saúde, psicológicos e alimentares (como anorexia e bulimia) e segundo, alertar o consumidor para que este saiba a veracidade do que consome.

    Faço então um questionamento final: Será que podemos nos deixar “motivar” por tudo que nos cerca?
    Usei o trabalho de Valérie Boyer para fazer um alerta sobre o cuidado que se deve ter para que uma tentativa de motivação não se transforme em uma catástrofe. Lembrando que o uso de imagens manipuladas é só um exemplo. Deve-se prevenir sobre tudo o que se lê e ouve para não cair em armadilhas.

Valérie Boyer


Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...