Menu principal

19 julho, 2010

Motivação começa na escola

Da série: "Day-off de formiga"



Vi um case estes dias de uma Universidade que premiava seus alunos de acordo com seu desempenho, ou seja, caso obtivessem 100% de freqüência nas aulas, notas altas e participação – ou todos os itens simultaneamente – eram premiados com pontos que poderiam ser resgatados por prêmios. Genial.

Nos dias de hoje, o reconhecimento que os alunos recebem parte, principalmente, da responsabilidade e do comprometimento que cada um tem consigo mesmo. Pode parecer utopia, mas já ouvi casos de pessoas que se motivaram na escola e na universidade, pois em casa não tinham prestígio suficiente e, por isso, se aprofundavam nos estudos para mostrar aos pais que eram filhos inteligentes e exemplares.

Não é a toa que as pessoas mais inteligentes e com melhores notas são, também, as menos compreendidas e pouco inseridas no meio social (hipoteticamente falando).

Se um dia eu fosse gerenciar uma escola ou universidade, não hesitaria em criar um programa de pontos para meus alunos. Nem que fosse um programa vendido para os pais, para que eles obtenham descontos na mensalidade ou em cursos extracurriculares para seus filhos.
Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...